.posts recentes

. Amor incondicional

. Mel c- First Day Of My Li...

. Descartavéis

. Espirito Natalicio

. Limites

. Um dia...

. Silêncio

. Perdida...

. Maria do Rosário Pedreira...

. Orvalho da Alma

.arquivos

. Setembro 2006

. Fevereiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

Quarta-feira, 4 de Maio de 2005

Campanha de sensibilização

Image hosted by Photobucket.com

Muito se falou hoje sobre o civismo na condução,e entre muitas campanhas,que nos mechem nos bolsos,há uma que me toca particularmente,mas que muitos ignoram.(principalmente os homens,pois homem que é homem tem a mania que tem que conduzir a alta velocidade).

Hoje lembrei-me de uma conversa que há tempos tive,onde um dos intervenientes se gabava que tinha andado a não sei quantos á hora.
E eu...com alguma calma o interpelei quase lhe baralhando as ideias,pois até essas,falando de velocidade,já iam a bastante velocidade de entusiasmo automobilistico.
Perguntei-lhe apenas o que ele faria se um dia se visse numa cadeira de rodas,dependente de terceiros,para a mais básica das tarefas e ao mesmo tempo intima,como tomar banho ou ir ao wc.
Parou ,e chamou-me agoirenta,ao que lhe respondi:"Realista!"
É que por mais incrivel que pareça,o azar não acontece só aos outros,pode-me até acontecer a mim,que conduzo com cuidado(ao que os homens gostam de chamar azelhice de mulher),pela fatalidade de me cruzar com um inconsciente que apenas pensa na adrenalina.
Eu,pela parte que me toca,dispenso-a,pois para isso praticaria desportos radicais,mas que mesmo esses são efectuados com alguns niveis de segurança,não colocando em preigo os demais.
Mas também culpo em parte este governo,ou todos os outros antecedentes,pois apenas fazem campanhas que mexem nos bolsos.É certo que só assim o povo respeita!
Mas criem espaços,gratuitos,pois so assim teriam aderencia,para que se possam efectuar corridas do genero,entre o zé da esquina(encartado claro),e o senhor X,onde se possam testar os tais 22Km/h que as máquinas têm,os "peões" e as demais acrobacias,mas em segurança.E apartir daí sim,todo o prevaricador levaria uma coima a doer fora dos espaços permitidos.
Porque afinal de contas,e até eu que critico o que vejo por aí de parvoices na estrada,por puro exibicionismo,acho lindo certas acrobacias que se fazem nessas corridas clandestinas.Não que as aprove,mas aprovaria e até seria espectadora nos locais apropriados onde existisse segurança.
Lembro-me há uns anos atrás (xiii há uns bons anos),ir ver regularmente essas corridas ali para os lados do feijó.E podem crer que vi um espectáculo que ainda hoje me lembro.Davam-se os primeiros passos no tuning( ou Chunig...nos casos mais rascos),e era ver desfilar desde o carrito mais velhote todo artilhado,que quase a podridão da chapa não segurava os demasiados adereços,bem farçolas,até ao BMW todo artilhado.
Como podem ver é um "desporto"que vai da classe mais baixa á mais alta...(isto há uns 10 anos um BM não era tão comum ao pobretanas ,como hoje...)
Recordo-me do espectáculo dado na curva do elefante (nãoooo não é o branco.......é o AZUL!....ts ts ts gajos...),de um BMW a fazer sucessivos peões de portas abertas,som bem alto...Confesso que achei lindo,porém bastante perigoso.
Até que depois de sucessivos fins-de-semana,como era de prevêr,até porque os moradores sofriam bastante com o barulho que se fazia,o espetáculo acabou com o corpo de intervenção á pega.
E eu nunca mais assisti a nada do genero,pois não me arrisco a seguir os pontos clandestinos onde se efectuam esse tipo de coisas.Até porque creio que hoje é mais disputado a nivel de velocidade e não de espectáculo em si.
E com o decorrer dos anos esta juventude é mais atrevida e pisa mais o risco do que é clandestino,fazendo pontes em contramão,penso eu...
Tudo seria diferente se realmente houvesse o espaço certo para tudo...

Mas estou a afastar-me do tema essencial do "post",mas creio que a ideia essencial está cá...
Pois o que mais me assusta num acidente que possa vir a ter,não é morrer,mas sim sofrer para toda a vida.
Poder colocar em risco os meus filhos,safando-me eu e vê-los agarrados a uma cadeira de rodas por uma estupidez minha,o resto da vida...
Ou ter que pagar o peso na consciência de ter tirado a vida a alguém por momentos de adrenalina.
A isto tudo digo: NÃO OBRIGADO!

O maior acidente que tive na vida,já o ia fazendo,sem culpa minha.Ia tirando a vida ao meu filhote que carregava dentro de mim,felizmente eu ia a baixa velocidade,porque caso contrario hoje ,não estaria nem eu aqui a contar este relato,nem ele a dormir o sono dos justos,pois chocar a alta velocidade com um camião,não havia safa possivel.

Já o ia fazendo também, devido a uma mãe,que não deve ter muito na cabeça resolveu estacionar o carrinho de bebé na traseira do meu carro,e dirigir-se ao portão da escola para ir buscar outra criança.E digo que não teria nada na cabeça,visto eu me encontrar dentro do carro,podendo sair a qualquer altura,não tendo visibilidade ao que se passa abixo da linha do vidro do carro.Se não houvesse quem me avisasse,assim que viram,hoje a historia seria triste.

Por isto tudo peço-vos que pensem bem antes de pisar um acelerador!

g0lden

publicado por gpr às 02:01

link do post | comentar | favorito
|

3 comentários:
De Dani a 5 de Maio de 2005 às 23:07
Oi G0lden,
Sou do Sonhando Fantasia e vim conhecer seu blog.
Menina, que post é esse? Concordo com vc em número e grau !!!! Um acelerador não é brinquedo como muitos pensam ...
Bom, gostei daqui !!! Um bj, Inté.


De angelkitten a 4 de Maio de 2005 às 22:39
gOlden, estou nauseada. Vai ao meu blog, please...


De g0lden a 4 de Maio de 2005 às 02:14
Ops....desculpem o longo "post"...
Mas também não creio que tivesse muita lógica dividir os sub-temas por vários "posts".
Beijokass


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds